100 Livros Essenciais da Literatura Brasileira

Lista foi retirada da extinta Revista Bravo.

p.s.: os livros riscados são os que já li.

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR A VERSÃO PARA IMPRESSÃO – FORMATOS A4 E A5 (BULLET JOURNAL)


Livros Lidos: [005/100]

1. Bagagem – Adélia Prado
2. O Cortiço – Aluísio Azevedo
3. Lira dos Vinte Anos – Álvares de Azevedo
4. Noite na Taverna – Álvares de Azevedo
5. Quarup – Antonio Callado
6. Brás, Bexiga e Barra Funda – Antonio de Alcântara Machado
7. Romance d’A Pedra do Reino – Ariano Suassuna
8. Viva Vaia – Augusto de Campos
9. Eu – Augusto dos Anjos
10. Ópera dos Mortos – Autran Dourado
11. O Uruguai – Basílio da Gama
12. O Tronco – Bernardo Elis
13. A Escrava Isaura – Bernardo Guimarães
14. Morangos Mofados – Caio Fernando Abreu
15. A Rosa do Povo – Carlos Drummond de Andrade
16. Claro Enigma – Carlos Drummond de Andrade
17. Os Escravos – Castro Alves
18. Espumas Flutuantes – Castro Alves
19. Romanceiro da Inconfidência – Cecília Meireles
20. Mar Absoluto – Cecília Meireles
21. A Paixão Segundo G.H. – Clarice Lispector
22. Laços de Família – Clarice Lispector
23. Broqueis – Cruz e Souza
24. O Vampiro de Curitiba – Dalton Trevisan
25. O Pagador de Promessas – Dias Gomes
26. Os Ratos – Dyonélio Machado
27. O Tempo e o Vento – Érico Veríssimo
28. Os Sertões – Euclides da Cunha
29. O que é Isso, Companheiro? – Fernando Gabeira
30. O Encontro Marcado – Fernando Sabino
31. Poema Sujo – Ferreira Gullar
32. I-Juca Pirama – Gonçalves Dias
33. Canaã – Graça Aranha
34. Vidas Secas – Graciliano Ramos
35. São Bernardo – Graciliano Ramos
36. Obra Poética – Gregório de Matos
37. O Grande Sertão: Veredas – Guimarães Rosa
38. Sagarana – Guimarães Rosa
39. Galáxias – Haroldo de Campos
40. A Obscena Senhora D – Hilda Hist
41. Zero – Ignácio de Louola Brandão
42. Malagueta, Perus e Bacanaço – João Antônio
43. Morte e Vida Severina – João Cabral de Melo Neto
44. A Alma Encantadora das Ruas – João do Rio
45. Harmada – João Gilberto
46. Contos Gauchescos – João Simões Lopes Neto
47. Viva o Povo Brasileiro – João Ubaldo Ribeiro
48. A Moreninha – Joaquim Manuel de Macedo
49. Gabriela, Cravo e Canela – Jorge Amado
50. Terras do Sem Fim – Jorge Amado
51. Invenção de Orfeu – Jorge de Lima
52. O Coronel e o Lobisomem – José Cândido de Carvalho
53. O Guarani – José de Alencar
54. Lucíola – José de Alencar
55. Os Cavalinhos de Platiplanto – J. J. Veiga
56. Fogo Morto – José Lins do Rego
57. Triste Fim de Policarpo Quaresma – Lima Barreto
58. Crônica da Casa Assassinada – Lúcio Cardoso
59. O Analista de Bagé – Luis Fernando Veríssimo
60. Tremor de Terra – Luiz Vilela
61. As Meninas – Lygia Fagundes Telles
62. Seminário dos Ratos – Lygia Fagundes Telles
63. Memórias Póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis
64. Dom Casmurro – Machado de Assis
65. Memórias de um Sargento de Milícias – Manuel Antônio de Almeida
66. Libertinagem – Manuel Bandeira
67. Estrela da Manhã – Manuel Bandeira
68. Galvez, Imperador do Acre – Márcio Souza
69. Macunaíma – Mário de Andrade
70. Paulicéia Desvairada – Mário de Andrade
71. O Homem e Sua Hora – Mário Faustino
72. Nova Antologia Poética – Mário Quintana
73. A Estrela Sobe – Marques Rebelo
74. Juca Mulato – Menotti Del Picchia
75. O Sítio do Pica-pau Amarelo – Monteiro Lobato
76. As Metamorfoses – Murilo Mendes
77. O Ex-mágico – Murilo Rubião
78. Vestido de Noiva – Nelson Rodrigues
79. A Vida Como Ela É – Nelson Rodrigues
80. Poesias – Olavo Bilac
81. Avalovara – Osman Lins
82. Serafim Ponte Grande – Oswald de Andrade
83. Memórias Sentimentais de João Miramar – Oswald de Andrade
84. O Braço Direito – Otto Lara Resende
85. Sermões – Padre Antônio Vieira
86. Catatau – Paulo Leminski
87. Baú de Ossos – Pedro Nava
88. Navalha de Carne – Plínio Marcos
89. O Quinze – Rachel de Queiroz
90. Lavoura Arcaica – Raduan Nassar
91. Um Copo de Cólera – Raduan Nassar
92. O Ateneu – Raul Pompéia
93. 200 Crônicas Escolhidas – Rubem Braga
94. A Coleira do Cão – Rubem Fonseca
95. A Senhorita Simpson – Sérgio Sant’Anna
96. Febeapá – Stanislaw Ponte Preta
97. Marília de Dirceu – Tomás Antônio Gonzaga
98. Cartas Chilenas – Tomás Antônio Gonzaga
99. Nova Antologia Poética – Vinícius de Moraes
100. Inocência – Visconde de Taunay

Anúncios