Aleatoriedades · Links Randômicos

Links Randômicos #7

📚 Para Ler

Segundo um Desafio da BBC (que aparentemente não tem nada a ver com a emissora), pessoas leram no máximo 6 livros dessa lista de 100. Não sei vocês mas eu tenho uma obsessão com esse tipo de lista. Adoro sair riscando os livros que li e ver quanto falta para eu ser essa pessoa que já leu 100% de uma lista dessas… (existe essa pessoa?) rsrsrs

p.s.: eu li 21. :-)

👓 Para Ver

Um show de mágica apresentado no America’s Got Talent. Como eu AMARIA ver um show de ilusionismo ao vivo!

Dica: se quiser ir direto pra apresentação, avance para os 50 segundos.

👂 Para Ouvir

O Fantama da Ópera em beatbox. Ma.ra.vi.lho.so.

🍩 Para Comer

Sou suspeita pra falar porque AMO macarrão (principalmente, espaguete) mas essa receita com ragu de linguiça é DIVINA! Fiz dia desses e amei! <3

💰 Para Comprar

A Pernambucanas lançou sua coleção de inverno e está cheia de coisas de Harry Potter! Essa roupa de cama está PERFEITA! Adoro o brasão de Hogwarts, acho que qualquer coisa fica bonita com ele.
Harry Potter - Pernambucanas

≣ Para Quem Gosta de Listas

21 maneiras de desbloquear o gênio criativo.

💭 Para Refletir

“A dúvida mata mais sonhos do que as falhas ” – Karim Seddiki

Andei Lendo

Resumão do que Andei Lendo #10

Entardecer dos Mortos – Tiago Holsi
Editora Céleblo Comics – 92 páginas – ❤❤❤❤

“Romeu, um vendedor de sabonetes zumbi, vê sua pacata rotina abalada quando Timbete, um simpático cachorro morto, começa a acompanhá-lo. Os dois vão parar em um parque de diversões onde conhecem Madame Topanga, uma vidente que revela a eles, que o futuro aguarda grandes surpresas e que Romeu irá conhecer o amor de sua vida, quero dizer, de sua morte.”

Simplesmente adorei! Uma história curtinha mas super divertida. Fiquei particularmente animada com alguns detalhes engraçados do personagem, como o fato dele guarda a mão direita no bolso porque ele é destro, e a amizade dele com o cachorro. :) Me diverti bastante com algumas passagens. :)


Nudez Mortal – J. D. Robb
Editora Bertrand Brasil – 350 páginas – ❤❤

“Eve Dallas é tenente da polícia de Nova York e está caçando um assassino cruel. Em mais de dez anos na força policial ela já viu de tudo e sabe que a própria sobrevivência depende de seus instintos. Eve avança contra todos os avisos que lhe dão para não se envolver com Roarke, bilionário irlandês, o principal suspeito de um dos casos de assassinato que ela está investigando. A paixão e a sedução, porém, possuem regras próprias, e depende de Eve assumir um risco nos braços de um homem sobre o qual ela nada sabe, a não ser a necessidade de sentir o toque dele, que se transformou em um vício para ela.”

Que livro mais méh! O caso é ok mas ainda não entendi porque enfiar um envolvimento da policial com um dos suspeito. Por que enfiar romance em livros de suspense? Por que? O caso deles é o mais clichê possível (os encontros, o sexo, o diálogo… ZZZZzzzzZZZZ). A policial é para ser durona, mas para variar, ela se transforma nos braços do supostamente homão da p*. A história acontece no futuro mas o que foi usado para designar o futuro chega a ser piada. Enfim… Fraquinho demais.


Harry Potter: Quidditch Deluxe Book and Model Set #1
Editora Incredibuilds – 32 páginas – ❤❤❤❤❤

“Quadribol é amado por bruxas e feiticeiros em todo o mundo mágico. Nesse livro saiba mais sobre os bastidores de como o esporte foi imaginado e trazido a vida nos filmes de Harry Potter, com insights dos atores, segredos cinematográficos e obras de arte emocionantes. Este pacote obrigatório também inclui tudo o que você precisa para criar seu próprio modelo de madeira do pomo de ouro.”

Livro com curiosidades bem legais de como cada item do Quadribol foi feito para o cinema, incluindo as bolas, os uniformes dos jogadores e as cenas de voo na vassoura. Mas o legal do livro é, com certeza, o pomo de ouro para montar. <3


Eu Mato – Giorgio Faletti
Editora Intrínseca – 536 páginas – ❤

Um agente do FBI e um detetive enfrentam um serial killer em Montecarlo, no glamoroso Principado de Mônaco. Trata-se do caso mais angustiante de suas carreiras: capturar o assassino que anuncia seus próximos alvos por meio de enigmas propostos em telefonemas para um programa de rádio, conduzido por um apresentador carismático. Para confundir a polícia, músicas são utilizadas como pistas dos crimes, cujas doses de barbárie e astúcia abatem e desnorteiam policiais, investigadores e psiquiatras. Os assassinatos, caracterizados pela frase Eu mato escrita com sangue, são marcados por uma violência que não poupa nem mesmo a pele das vítimas.”

O livro começou muito bem mas a certo ponto a história se tornou TÃO arrastada que eu só pensava: “quando é que isso vai terminar de vez?”. Algumas cenas se tornaram extremamente longas porque o autor descreve até a sensação do policial ao pisar chão e todas as memórias que isso lhe traz… zzzzZZZZzzz Até as cenas de AÇÃO se tornaram maçantes! Sem falar que lá pela página 300/400 do livro, depois da história estar com seus personagens bem definidos, apresentados, tudo bem amarradinho, houve a inclusão de novo personagem só para o assassino poder matá-lo. E se fosse uma simples inclusão! Não! Foi descrito todo a história do personagem, seu passado, porque ele estava ali, trocentos mil pensamentos da criatura… pra morrer em 5 minutos! ¬¬ O enredo é legal mas o desenvolvimento… Seria um ótimo livro se tivesse 300 páginas. E não é pelo fato de ser um livro longo, é pelo fato de ser desnecessariamente longo. Resumindo: detestei.


Smacks pra vocês! :*

BEDA · Sobre Livros

Marcadores do Harry Potter Grátis para Impressão

Harry Potter Bookmarks

Encontrei essa fofura navegando pelo Pinterest e achei que seria legal compartilhar com vocês. O design é da Lindsay, do blog Artsy Fartsy Mama, e é grátis para baixar e imprimir. Espero que curtam!

Smacks pra vocês!

A Lista das Listas · BEDA

A Lista das Listas #5

A Lista das Listas

Smacks pra vocês! ;*

BEDA

BEDA #6 | Sobre um Livro que Li Mais de uma Vez

Beda #6

Conta aqueles que reli sem lembrar que eu já tinha lido? ¬¬

Ha! Podem ri. Isso já aconteceu! Minha memória é péssima. Péssima mesmo.

Muito antigamente, nesse minha curta vidinha literária, achava desperdício de tempo reler livros. Como assim, vou ler algo do qual já sei a história se eu poderia ler algo novo? E é um ponto pertinente até. Porque, vejam, sou uma leitora de ritmo lento. Raramente consigo ler um livro em um dia, por exemplo. Então nada mais justo do que querer ler só coisas novas. Se não for assim, vou precisar de quantas vidas para ler tudo o que quero? É mais ou menos por essa linha.

Mas daí veio Harry Potter. E tudo mudou.

Fim.

Não, brincadeira.

Mas veio Harry Potter e tudo mudou mesmo. :) Daí tinha esse livro incrível e estava para sair o último da saga e como vou ler o último se não lembro de todos os detalhes? Bora relê-los! Depois disso, comecei a lê-los novamente faz um dois anos mas parei no meio do caminho. Tenho que voltar a fazer isso porque o Relíquias da Morte li uma única vez. E Harry Potter nunca é demais, né? #fato.

Nessas horas é bom ter memória de Dory, sabe? Porque quando releio, (re)descubro coisas das quais nem lembrava mais. Uma maravilha. :)

Fora HP, já reli O Caso dos Dez Negrinhos, os quadrinhos de The Walking Dead umas três vezes e estou pensando em reler Sandman para o Projeto Lendo Sandman.

E vocês, o que costumam reler sempre que podem?

É isso. Vejo vocês amanhã!

Smacks e bai! ;D